Coluna 1

Versos de Amor para quem Mora longe

  • "Um amor bem verdadeiro, uma vida bem íntima com uma mulher, a quem se queira como amante, que se estime como irmã, que se venere com mãe, que se proteja como filha, é evidentemente o destino mais natural ao homem, o complemento da sua missão na terra."

    Júlio Dinis

  • "O amor é quando a gente mora um no outro"

    Mário Quintana

  • "Duvida da luz dos astros, De que o sol tenha calor, Duvida até da verdade, Mas confia em meu amor."

    William Shakespeare

  • "E desde então, sou porque tu és E desde então és sou e somos... E por amor Serei... Serás...Seremos..."

    Pablo Neruda

  • "Parece-me fácil viver sem ódio, coisa que nunca senti, mas viver sem amor acho impossível."

    Jorge Luis Borges

  • "O amor é o desejo irresistível de ser irresistivelmente desejado."

    Robert Frost

  • "Quem encontrar na vida o verdadeiro amor, deve escondê-lo, longe do mundo, como um tesouro."

    Júlio Dantas

  • "Não me lembro mais qual foi nosso começo. Sei que não começamos pelo começo. Já era amor antes de ser."

    Caio F

  • "Não peca quem peca por amor."

    Oscar Wilde

  • "O amor e a razão são dois viajantes, que nunca vivem juntos na mesma hospedaria: quando um chega, parte o outro."

    Walter Scott

  • "A religião prestou ao amor um grande serviço, fazendo dele um pecado."

    Anatole France

  • "Lutar pelo amor é bom, mas alcançá-lo sem luta é melhor."

    William Shakespeare

  • "O amor é uma infinidade de ilusões que serve de analgésico para a alma."

    Marlon Moraes

  • "Amor não se conjuga no passado; ou se ama para sempre, ou nunca se amou verdadeiramente."

    M Paglia

  • "O amor não se define; sente-se."

    Séneca

  • "Essa coisa chamada história de amor requer um certo tempo para ser construída, e as que dão certo são aquelas vividas com paciência, com o espírito aberto, e geralmente com qualquer um que consiga romper nossas defesas e nos fazer feliz."

    Martha Medeiros

  • "Amor é bicho instruído Olha: o amor pulou o muro o amor subiu na árvore em tempo de se estrepar. Pronto, o amor se estrepou. Daqui estou vendo o sangue que escorre do corpo andrógino. Essa ferida, meu bem às vezes não sara nunca às vezes sara amanhã."

    Carlos Drummond de Andrade

  • "Amizade: quando o silêncio a dois não se torna incômodo. Amor: quando o silêncio a dois se torna cômodo."

    Mário Quintana

  • "Qualquer maneira de amor vale a pena Qualquer maneira de amor vale amar..."

    Caetano Veloso

  • "Correndo o risco do fracasso,das decepções,das desilusões,mas nunca deixando de buscar o amor. Quem não desistir da busca,vencerá!"

    Paulo Coelho

Coluna 3